Juiz da Lava Jato suspende criação de fundo com dinheiro devolvido da Petrobras

Curitiba – O juiz Luiz Antônio Bonat decidiu suspender hoje (13/3/2019),por 90 dias, os procedimentos para a criação do fundo privado para gerir dinheiro devolvido pela Petrobras. O pedido de suspensão foi feito na terça, 12, pelo Ministério Público Federal. A decisão de suspender o processo de criação do fundo cabia ao juiz porque o acordo já havia sido homologado pela Justiça Federal. O juiz determinou que o MPF terá que apresentar, a cada 30 dias, informações detalhadas sobre as providências adotadas em relação ao acordo.

“Tal medida, por certo, possibilitará a realização de tratativas para a eventual alteração do acordo, nos termos em que melhor atenda a sociedade e o Estado brasileiro”, destacou Bonat na decisão.

Pedido de suspensão

Na petição apresentada à Justiça Federal, a força-tarefa da Lava Jato relacionou o pedido de suspensão ao “debate social sobre o destino dos recursos, noticiado pela mídia nacional”. E se comprometeu a dialogar com autoridades e órgãos públicos uma forma melhor de empregar os recursos pagos pela Petrobras.

Do site Bem Paraná.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *